No dia 12 de maio de 2002, a Apolar Imóveis inaugurava sua primeira loja em Colombo, Região Metropolitana de Curitiba. O início não foi fácil, como conta o franqueado Hugo Oliveira. “Foi dificultoso como todo começo. Lembro de um episódio da minha esposa grávida me ajudando a colocar faixa de vendas nos imóveis, domingos longe da família. Porém, tanta dedicação resultou em crescimento. Iniciamos a empresa em cinco pessoas e hoje somos em 20 aproximadamente. O que era sonho se tornou realidade e com isto abrimos a segunda loja no município, em 2008”, conta Hugo.

A escolha por Colombo para montar o negócio não se deu por acaso. Morador da cidade, Hugo nunca duvidou do potencial do município. “Tanto eu como a franqueadora, sempre acreditamos”. Com uma população de  227 mil habitantes, a 8ª maior do Paraná, Colombo é hoje a 13ª economia do estado, com um PIB (Produto Interno Bruto) de R$ 2.578.597,00 e PIB per capita de R$ 11.858,73.

Além de um setor de comércio e serviços fortes, o carro-chefe que impulsiona o crescimento da região é a indústria, sobretudo a extrativa mineral. Colombo é um dos principais produtores de Cal do Paraná. “Sem dúvida é um dos nossos pontos fortes. Porém, estamos trabalhando no sentido de trazer novas indústrias nas áreas de software, moveleira, costura e de brinquedos. São setores importantes que vão ajudar economicamente, até pela questão não-poluente, haja vista a área de manancial que temos no nosso município”, comenta o vice-prefeito de Colombo, Ademir Goulart.

Dona da maior colônia italiana do estado, Colombo se destaque também na área do entretenimento. Rica geograficamente, possui belíssimas paisagens, o que propicia o “Circuito italiano do turismo rural”, criado em 1999. Trata-se de um passeio pelas diversas cantinas de vinho, restaurantes típicos, café colonial e vinícolas. As festas municipais também são uma atração a parte, como a tradicional Festa da Uva no mês de fevereiro, evento no qual a Apolar participa regularmente com stands.

Já no setor imobiliário, a cidade se destaca pela grande quantidade de empreendimentos de moradias populares, enquadrados no programa Minha Casa Minha Vida do Governo Federal. “Nos últimos anos tivemos um boom imobiliário na região por conta desse programa. A Apolar contribuiu muito para essa expansão. É um trabalho forte e consistente. Eu também sou empresário e falo com conhecimento de causa. A instalação da Apolar em Colombo foi fundamental nesse processo”, finaliza o vice-prefeito.