Como já falamos algumas vezes aqui no blog, Curitiba foi eleita algumas vezes como cidade verde modelo, graças ao planejamento sustentável pioneiro e as extensas áreas verdes distribuídas pela cidade, com seus 29 parques e bosques. A harmonia entre natureza e urbano dá tão certo que há 64,5 m² de área verde por habitante, possibilitando uma boa arborização e, ao contrário do que se imagina, dando espaço para um excelente crescimento imobiliário, sem agressão ao meio ambiente.

A região do Ecoville é um exemplo de planejamento urbano, sendo a região mais verde de Curitiba. O parque Barigui, que é um dos maiores e mais antigos parques da cidade com seus 1,4 milhões de metros quadrados de área total, está no meio da região do Ecoville cercado por edifícios, mas que respeitam o espaço da natureza.

E essa mescla entre urbano e natureza só traz benefícios à cidade. Além da melhora na qualidade do ar, os bairros verdes trazem melhoras na saúde, qualidade de vida, lazer e economia. Vamos conferir esses benefícios:

Melhora na saúde

Pesquisadores do Reino Unido descobriram que moradores de áreas verdes têm menores taxas de mortalidade. Pois áreas verdes ajudam na absorção da radiação ultravioleta, dióxido de carbono e na redução do impacto das chuvas.

Entre 2010 e 2011, pesquisadores norte-americanos analisaram dados de 250 mil idosos beneficiários do Medicare (sistema público de saúde americano). Na análise, foi mapeado e quantificado as áreas verdes nos bairros dos pacientes. O resultado mostrou que essas áreas verdes tiveram importância para a redução de doenças crônicas. Segundo os pesquisadores, a vegetação está relacionada a 49 menos doenças crônicas por cada mil moradores. Grandes extensões de vegetação representaram uma queda de 14% nas taxas de diabetes, 13% na de hipertensão e 10% nos distúrbios de colesterol.

Qualidade de vida

Outro benefício encontrado por quem vive em torno de áreas verdes é a melhora na saúde mental e emocional. A Universidade Vrije, na Holanda, realizou uma pesquisa com 350 mil pessoas e concluiu que quanto mais próxima à residência/trabalho é de parques, praças ou jardins, o risco de desenvolver ansiedade e depressão era menor, assim como de uma série de outras doenças.

Ambientes verdes também aumentam as oportunidades de socialização e relaxamento, além do incentivo à prática de atividades físicas, melhorando a qualidade de vida e aspectos emocionais.

Praticar exercícios e estar em contato com a natureza são aspectos que podem melhorar sua qualidade de vida. E ter uma mente e corpo em sintonia, leves e ativos, reflete na melhora da produtividade e concentração.

Pesquisadores apontam que os bairros verdes funcionam como remédios naturais, pois ajudam a reduzir a poluição do ar, regulam a umidade e ainda minimizam o efeito do calor. As áreas de vegetação são essenciais para as cidades e funcionam como amenizadores microclimáticos. Sem eles, as cidades seriam cada vez mais quentes, formando ilhas de calor. E além de resfriar a cidade, as áreas verdes são essenciais para redução de poluição e enchentes.

Estética

Além desses benefícios para a saúde mental e física, as áreas verdes trazem benefícios estéticos que refletem na economia. Isso porque parques e bosques deixam a cidade mais bonita, podendo se tornar pontos turísticos, como o Jardim Botânico.

Além de movimentar pessoas e o comércio, essas áreas detêm uma excelente estrutura de alto padrão, atraindo também moradores. Ou seja, é possível encontrar lazer, cultura, comércio e residências nos bairros verdes, tornando-se excelentes locais para investir.

Em Curitiba há um destaque especial para a região do Ecoville, que passou por um ótimo planejamento urbano, tornando-se uma das regiões mais verdes e nobres de Curitiba, excelente para novos investimentos e empreendedorismo.

Com mais de 45 anos de experiência, os imóveis da Apolar Personnalité passam por uma cuidadosa avaliação, para manter sempre o padrão elevado que nossos clientes procuram. Confira o nosso site e acompanhe o nosso blog para ficar por dentro de dicas e notícias sobre Curitiba.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here